Tapete Mágico

Se eu pudesse, viajaria num tapete mágico rumo ao infinito, às estrelas, embora de olhos fechados eu chegue lá também, como num sonho.

Viver é muito bom, mas dá trabalho e tem um preço real. Sonhar nada custa e nos transporta para onde bem quisermos, quando relaxamos e nos entregamos um pouco a essa fantasia, nos desconectando da realidade por alguns minutos que sejam. Vale a pena tirar os pés do chão vez ou outra. Afinal, também merecemos andar nas nuvens, passear na lua e dançar no chão azul do céu.

Realidade é um fato, mas é muito bom entremeá-la  com esperança, sonhando  para colorir um pouco os nossos dias, enquanto trabalhamos para realizar nossos projetos. Num intervalo entre o que temos e o que queremos  ainda realizar, em certos momentos, de olhos fechados vamos viajando, viajando, viajando…

Comments

comments

Sobre a autora

Ceiça Monteiro - Acredito na força do pensamento e no poder das palavras, que precisam ser positivas para que nos tornemos mais iluminados.

Fique por dentro

Newsletter

Email inscrito com sucesso!

Ocorreum um problema

queries in seconds.